Com Pipoca: Frozen - Uma aventura congelante


Finalmente! Depois de um ano desde seu lançamento nos cinemas brasileiros, eu finalmente assisti o último grande sucesso dos estúdios Disney: Frozen - Uma aventura congelante. A pergunta que toma conta de mim no momento é: como pude levar tanto tempo para assistir? Apesar das críticas positivas e negativas, o filme, ao meu ver, é espetacular (eu estava com muita vontade de usar esse adjetivo ultimamente)! 

O filme conta a história das irmãs Anna e Elsa - esta última, que tem poderes do gelo. Após um incidente que ocorreu quando ainda eram crianças, os pais decidem por afastar as duas irmãs para o bem de ambas. Quando chega o dia de Elsa assumir o trono do reino, ela acidentalmente se descontrola e condena o reino a um inverno eterno. Receosa, ela foge para as montanhas. Anna decide ir atrás da irmã e no meio do caminho conhece Kristoff, sua rena e Olaf, o boneco de neve que gosta de abraços quentinhos, em uma aventura que está mais para aquecida do que congelante. 


Sou fã assumida de musicais. Os personagens começam a cantar do nada? É quase que uma fórmula perfeita para me cativar. Uma das coisas que mais gostava nas antigas animações da Disney era justamente as músicas, que até hoje não esqueci e ainda faço questão de cantar. As músicas de Frozen são encantadoras e grudam facilmente na cabeça. As cenas musicais são maravilhosas! Engana-se quem acredita que o filme se resume em uma única música (no caso, Let It Go/Livre Estou) devido a atenção que esta recebeu, todas são igualmente incríveis e... Como posso dizer? Bem Disney. 

Assisti ao filme com um olhar infantil, pois é como achei certo fazê-lo. Julgar o filme com um olhar maduro me parece muito injusto e um tanto incompreensível. Frozen não é o tipo de animação cuja mensagem é para chegar ao adulto. Com um olhar mais maduro, o filme pode sim parecer um tanto fraco. Mas então vem a questão: para quem é o filme? É para a criança, o adolescente ou o adulto? É algo que precisa ser definido antes de assistir. Eu vi no filme o mesmo encanto que muitas crianças também viram. 


A história conta com personagens incríveis e muito cativantes, como os trolls, a rena de Kristoff e o boneco de neve Olaf. A irmandade de Anna e Elsa intensifica o poder dos personagens. Sinceramente, Anna torna esse círculo de personagens ainda mais cativante. Afinal, ela é cativante. O filme pareceu girar em torno dela - e não de Elsa - muitas vezes. 

Frozen - Uma aventura congelante não é o tipo de filme cuja mensagem irá perpetuar em sua cabeça por muito tempo, embora a mensagem seja tão agradável quanto o próprio filme. Não se trata de uma história grandiosa, mas é mágica, o tipo de magia que carrega o telespectador para dentro do filme. E repito: Frozen é uma aventura que está muito mais para aquecida do que congelante. Vai ver essa é a grande ironia do filme.

Share:

11 pessoas devoraram

  1. Eu assisti Frozen no ano passado, mas fiquei encantada com a história. Não devemos, mesmo, assistir como adultos, porque é uma história infantil e sem muitas mensagens, mas é linda demais neh?!

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem como não se sentir encantado com esta história, não é mesmo? XD

      Excluir
  2. Acredita que só assisti esse filme semana passada? Que fofura é ele!! Amo filmes e livros infantis.

    Beijos!
    livrosdawis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Não creio que você só assistiu agora haha
    Adoro Frozen ♡ ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando as aulas voltarem, quero nós duas cantando as músicas de Frozen pelo corredor, hein? <3

      Excluir
  4. Esse filme é bem legal ahahah é bom ver filmes infantis e fugir um pouco da realidade.

    http://criativare-leitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Concordo plenamente com você, adoro esses filmes que nós fazem fugir um pouco da realidade. :)

      Excluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Esse filme é uma fofura! Demorei um pouquinho para vê-lo, só assisti por causa das minhas priminhas. Na hora pareceu que eu era a criança pois eu não cantava, eu berrava para todo mundo ouvir "let it go", hahaha Essas músicas pegam...
    Beijos,
    Ana.

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownnn! Essas músicas realmente grudam, né... haha XD

      Excluir